X
Menu
X

Google anuncia Wi-Fi gratuito e programas de educação no Brasil

O Google promoveu o evento Google For Brasil, no Memorial da América Latina, onde apresentou uma série de soluções para usuários, publishers, empreendedores, entidades públicas e marcas parceiras no País. As novidades vão desde um projeto que oferece Wi-Fi gratuito em espaços públicos, programas de alfabetização midiática, desafios para o desenvolvimento de projetos de jornalismo digitais e games, até novas soluções de ativação de voz com o Google Assistant.

Wi-Fi gratuito
O Google Station é um programa que visa oferecer Wi-Fi gratuito em locais públicos como praças e estações de metrô. A primeira cidade a receber a novidade, São Paulo, já conta com 80 pontos de internet ativos em 30 praças e 17 estações da CPTM, além do Parque Ibirapuera. A solução será oferecida em parceria com parceiros como America Net e Linktel. A ideia é expandir a iniciativa para outras cidades do Brasil.

Internet das coisas à brasileira
O Google também anunciou que lança, ao final do mês, uma série de aparelhos inteligentes em parceria com a fabricante de eletrônicos Positivo. O primeiro produto é um celular embarcado com um botão e ferramentas do Google Assistant, que chegará às lojas ao valor de R$ 279. Juntas, as empresas também lançarão produtos como câmeras e lâmpadas domésticas inteligentes a partir de R$ 99.

Educação midiática e jornalismo
A empresa também está reforçando o Google News Initiative no Brasil, com um desafio de inovação que visa alavancar novos modelos de negócio no jornalismo. Os projetos selecionados poderão receber até R$ 1 milhão. Também cria a Incubadora Jornalística de Nativos Digitais, voltada para aceleração de projetos 100% digitais. O Google também investirá R$ 2 milhões em consórcios e associações de jornalismo no Brasil, entre eles a Abraji, Projor e ANJ. Para apoiar empresas já existentes, a plataforma também implementou na semana passada um programa de apoio a assinaturas que envolve oito veículos na América Latina, incluindo quatro brasileiros.

No campo da alfabetização midiática, a companhia lança o projeto EducaMídia em parceria com o Instituto Palavra Aberta. A ideia é criar um material para formação de professores e que possa ser utilizado em escolas públicas. O objetivo é alcançar 5 mil professores e 175 mil estudantes até o final do ano.

Receita publicitária do Google desaceleraPlanejamento urbano
O Waze apresentou uma nova plataforma voltada para gestores públicos e profissionais de planejamento urbano, o Waze for Cities Data. A interface de visualização de dados reúne informações sobre trânsito e enchentes, por exemplo, e tem como objetivo fornecer insights para melhorar o planejamento de mobilidade nas cidades. O projeto piloto foi testado no Rio de Janeiro e está sendo expandido para 70 parceiros no Brasil, incluindo as prefeituras de São Paulo, Joinville (SC) e Vitória.

Tecnologia e games
Na área de tecnologia, o Google lança um programa de certificação digital em práticas de TI, em parceria com o Coursera, com duração de oito meses. Os usuários que completarem o curso poderão compartilhar seus currículos diretamente com empresas que oferecem vagas de suporte na área.

Na área de games, a empresa apresenta o Desafio Change The Game. Duas desenvolvedoras, com idade entre 15 e 21 anos, serão selecionadas e seus projetos serão lançadas no Google Play. Outras 500 garotas ganharão aulas online sobre programação. O objetivo é fomentar a igualdade de gênero na área de games.

Compras
A partir de julho, usuários terão acesso a uma vitrine personalizada com produtos de seu interesse no Google Shopping, além de poderem navegar pela plataforma assim que clicarem em uma imagem de um produto.

Além dos lançamentos acima, o Google atualizou seus mecanismos de busca sobre futebol para destacar conteúdo sobre a Copa de Futebol Feminino. Também criou novas ferramentas para empreendedores por meio do Google Meu Negócio. Aos usuários finais, também reforçou os mecanismos de privacidade, de forma a tornar as configurações de segurança mais acessíveis durante a navegação.

Fonte: Meio e Mensagem

Share
Tags

Nplan Marketing

 

You Might Also Liked

Novo normal no SEO: como a covid-19 impactou o universo das buscas no Google SEO para site de saúde: confira 10 práticas fundamentais para rankear no topo do Google! Conheça os 172 principais fatores de rankeamento do Google em 2020 Google Maps passa a indicar restaurantes que fazem entregas na sua região Google, we have a problem: entenda a discussão sobre o possível core update de fevereiro de 2020 Tem um featured snippet? Saiba que seus conteúdos não aparecerão mais na primeira página do Google O futuro da busca online: insights para você considerar em sua estratégia Conheça as novas restrições para a divulgação de anúncios políticos no Google e nas redes sociais
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *