X
Menu
X

Pesquisa: quanto tempo os usuários passam nas redes sociais

Pesquisa: quanto tempo os usuários passam nas redes sociais

Dados da BI Intelligence apontam engajamento dos usuários, via PC e mobile, nos principais canais de social media

Pesquisa: quanto tempo os usuários passam nas redes sociais

 

Com 1,2 bilhões de usuários mensais ativos, é compreensível que se fale do Facebook em números. Porém, com o surgimento de novas redes sociais e apps, a audiência das plataformas “veteranas” torna-se cada vez mais fragmentada e outras mensurações acabam sendo mais importantes, especialmente para empresas que tentam descobrir qual é o melhor canal para investir.
Fatores como quanto tempo os usuários passam em cada rede social e quão engajados e interativos eles estão com os conteúdos nesses sites são fundamentais para determinar isso.
Em uma pesquisa recente, o BI Intelligence calculou o engajamento das cinco principais redes sociais e comunicadores instantâneos: Facebook, Instagram, Twitter, Snapchat e Whatsapp. O estudo também compara a performance das plataformas em termos de tempo de uso no desktop e mobile, e quais atividades são mais populares em cada site.
– Social é a principal atividade na internet: norte-americanos passam mais tempo em social media do que em qualquer outra atividade, inclusive e-mail.
– Regras do social-mobile: 60% do tempo na social media se dá via smartphones e tablets.
– O Facebook atrai sete vezes mais engajamento do que o Twitter tanto via smartphone, quanto em acessos pelo PC.
– O Snapchat é menor que o WhatsApp, porém seus usuários passam mais tempo na ferramenta “fantasma” do que no comunicador instantâneo adquirido por Mark Zuckerberg.
– Pinterest, Tumblr e LinkedIn deram passos largos, no ano passado, para aumentar o engajamento em sites e apps móveis. A atual corrida na social media não é pela audiência em si, mas pelo engajamento multi-telas.

Nplan Marketing

 

You Might Also Liked

LinkedIn Lite para Android já pode ser baixado na Play Store Enquetes do Instagram agora podem ser feitas por mensagens diretas Plataformas apostam no monitoramento do tempo online Celebridades perdem 45% de seguidores no Instagram Marta: o outro lado visível do marketing esportivo Mobile se torna segundo maior meio em verbas Algoritmo do Instagram Facebook desiste de criar um feed separado só para notícias
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *